Porto Alegre, 26 DE SETEMBRO DE 2017.
Home Quem somos Coluna do Técnico Projeto Social Futebol Clube Nossos sócios Parceiros Galeria Fale conosco

Faça seu cadastro para receber nossas notícias
Nome:

e-mail:

 

Evento comemorativo dos 10 anos da ESPORTECOOP

20/10/2015 - 01:47

Os dez anos do projeto Social Futebol Clube e o envolvimento de cerca de 6,3 mil crianças foram comemorados no sábado, 17 de outubro, durante evento no CTG Estância da Azenha. A confraternização teve a presença do prefeito José Fortunati, dos secretários de Esporte, Edgar Meurer, e da Educação, Cleci Jurach, e dos atletas da entidade. 

Como forma de agradecimento pelo envolvimento no projeto, o coordenador Clóvis Meira e os sócios da cooperativa agraciaram o prefeito e os secretários com um troféu. Ao agradecer, Fortunati disse estar feliz não só pela conquista dos dez anos. "Minha alegria é ver o vigor com que esse projeto chega a esses dez anos. Esses atletas demonstram que é possível fazer a diferença na vida desses jovens, fazer com que eles sonhem e tenham um futuro diferente".

O troféu do prefeito foi entregue pelo menino Eduardo Kuhn, de 11 anos, mais conhecido como "Romarinho". Desde os sete anos de idade no Social Futebol Clube, o aluno da Escola Liberato Salzano Vieira da Cunha revela-se realizado por fazer parte do projeto e ser atacante de seu time. A mãe,Tatiana, assistiu orgulhosa à entrega do troféu pelo menino ao prefeito. "Este projeto é excelente. Não temos como pagar uma escolinha de futebol. E ele está fazendo o que mais gosta", avaliou.

A secretária Cleci Jurach lembrou que, ao fazer parte das atividades do contraturno,"o projeto contribui para a formação do aluno com o objetivo de torná-lo um cidadão. Atuamente, cerca de 1,1 mil alunos da rede, além de terem uma ocupação, aprendem o que é trabalhar em equipe", observou. Já o coordenador do projeto agradeceu a parceria da prefeitura. "Queremos  demonstrar nossa profunda gratidão ao prefeito e aos secretários pela confiança nesse projeto que vai além de formar atletas. Queremos que eles aprendam a conviver com a vitória e com a derrota e, sobretudo, fiquem longe das droga", disse Meira.      

Também participaram do evento o idealizador do projeto, vereador João Bosco Vaz; sócios fundadores; diretores de entidades que apoiam o programa; além de representantes das comunidades beneficiadas.  

Receberam medalhas de honra ao mérito, os sócios fundadores: Tovar, Osmar Lima, Gaspar Fronteira, Jairão, Flecha, Careca e Cedenir. Também receberam a honraria o secretario da Esportecoop José Marques, pelos serviços prestados, e os professores da SME, Giba e Meneguel, pelo apoio que sempre dedicaram ao Projeto Social Futebol Clube.
 
A Esportecoop conta com 35 sócios e 22 deles trabalham, no Projeto Social Futebol Clube, com meninos e meninas entre sete e 15 anos em nove campos de futebol da periferia e bairros mais pobres da cidade. Esses ex-atletas, reunidos em uma cooperativa, além de ensinar futebol para os garotos, realizam oficinas, palestras e cursos.

A iniciativa tem o objetivo de promover a inclusão social e formar cidadãos, dando às crianças o carinho e a atenção que muitas vezes falta na família e na sociedade. Além da participação de professores da SME, o programa oferece acompanhamentos médicos, psicológicos e pedagógicos às crianças.
 
As aulas são ministradas nas seguintes comunidades: Parque Ipanema (Campo da Gráfica), Tuca (Campo da Tuca), Parque dos Maias (Campo do Minuano), Restinga (Secores), Medianeira (Cegeb), Bom Jesus, (Centro Esportivo da Vila Bom Jesus), Sarandi (Praça Cândido de Menezes), Vila Nova Brasília (Campo Barcelona), Vila Safira (Campo do Oriente) e Vila Elisabeth (Cecove).
 
Parceria Smed e SME - Em março de 2009, o Social Futebol Clube foi integrado nas atividades do Cidade Escola, que prevê a oferta de atendimento em tempo integral de até 1000 alunos da rede municipal de ensino de Porto Alegre. Hoje o projeto contribui decisivamente para a formação do aluno e desenvolve uma real integração entre estudantes, professores e comunidade em geral. A parceria já atende 6,8 mil crianças. Já a SME fornece supervisão pedagógica aos estudantes.
 
Esportecoop - A SME organizou os atletas em uma cooperativa, a Esportecoop, para a realização do programa para meninos carentes. Nestes 10 anos, a cooperativa já atendeu 10,5 mil alunos e revelou jogadores para clubes profissionais da Capital, como o atacante Yuri Mamute, do Grêmio. Atualmente, cerca de 1,1 mil crianças são atendidas, sendo que 58% dos alunos do projeto são da rede municipal e o restante da rede estadual. Abaixo o show de imagens do evento:
Foto Ivo Gonçalves/PMPA
Foto Ivo Gonçalves/PMPA
Foto: Ivo Gonçalves/PMPA
Foto: Ivo Gonçalves/PMPA
Foto: Ivo Gonçalves/PMPA
Fonte: http://www2.portoalegre.rs.gov.br/
Texto de: Caren Mello
Edição de: Jandira Davila Feijó



Bookmark and Share
Rua Vigário José Inácio,250-s.56 - Centro - Porto Alegre - RS
Fone (51) 3228.8233 - E-Mail: esportecoop@gmail.com