História

A Cooperativa de Esportistas do Brasil (Esportecoop) foi fundada em 02 de junho de 2005 por vinte (20) ex-atletas da dupla GRE-NAL. Em outubro do mesmo ano, a cooperativa começou a desenvolver o projeto Social Futebol Clube, da Secretaria Municipal de Esportes de Porto Alegre (SME). O projeto tinha o objetivo de atender menores carentes da rede de ensino da capital, visando a inclusão social através do esporte.

Em março de 2009, o Social Futebol Clube foi integrado nas atividades do Cidade Escola, que previa a oferta de atendimento em tempo integral aos alunos da rede municipal de Ensino de Porto Alegre. O projeto contribuiu decisivamente para a formação do aluno e desenvolveu a integração entre estudantes, professores e a comunidade em geral.

O Social Futebol Clube/Cidade Escola era uma atividade para ambos os sexos na modalidade futebol (campo, sete ou salão), desenvolvida por monitores/oficineiros, todos ex-jogadores e associados da Esportecoop. O trabalho recebia a supervisão da SME através de seus professores de Educação Física devidamente credenciados no CREF/RS. A Esportecoop chegou a atender por mês, mais de 1200 crianças entre 7 e 14 anos, em diversos campos distribuídos por toda a cidade.

Em 2017, a Esportecoop em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Porto Alegre (SMED), começou a desenvolver oficinas esportivas em cinco escolas municipais, visando o auxílio e o melhoramento das crianças no ensino escolar. Ao todo, mais de 800 crianças são atendidas pela cooperativa.