Escola Liberato recebe Torneio Comunitário de Judô

 

 

Os judocas da EMEB Liberato Salzano Vieira da Cunha, que integram o projeto da Esportecoop em parceria com a Smed, conquistaram mais medalhas no 5º Torneio de Judô Comunitário. Também participaram da competição os judocas das instituições Eugênia Conte e Sesc. O evento ocorreu no sábado (30), com a participação de 180 atletas.

Segundo o sensei Rafael Krug, que organizou a atividade junto com o também sensei Willy Schneider, o objetivo é tornar o judô acessível para crianças e adolescentes de famílias de baixa renda, já que atualmente é um esporte elitizado.

O judoca Vitor Dalberto, de 13 anos, medalhista na categoria Sub-13, conta que ingressou nas aulas de judô para conhecer o esporte. Ele menciona que antes se envolvia em brigas com os colegas de escola, mas agora consegue conter seus impulsos. “Eu gosto de fazer judô, é uma atividade nova que se aprende muito”, disse ele.

Para a jovem Andressa Oliveira, de 14 anos, o judô ensina para a vida. “O professor Rafael me inspira, quando eu caio no tatame ele diz para eu levantar a cabeça e continuar”. Andressa venceu três lutas e ganhou a medalha de primeiro lugar. Ela pretende seguir os passos dos campeões mundiais de judô, João Derli e Mayra Aguiar.

A dona de casa Sara Soares, mãe da judoca Ane Soares, de 8 anos, está muito feliz com o desempenho da filha. “Ela ingressou a poucos meses nas aulas e já está amando essa nova atividade”, comemora Sara.

O presidente da Esportecoop, Clóvis Machado Meira, destaca o esporte como fator de inclusão social e desenvolvimento da cidadania em comunidades carentes. “O projeto tem contribuído para o bom desempenho escolar de muitos alunos. Além disso, tem contribuído para melhorar a ordem, a disciplina e o respeito mútuo em sala de aula”, afirmou.

O evento contou com o patrocínio das empresas Saúde PAS Medicina & Odonto e Servicoop, bem como comerciantes da região do bairro Sarandi, onde está localizada a escola Liberato.

Vitor Dalberto

Andressa Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *